Quinta-feira, 2 de Março de 2006

Blogs e economistas!

Há momentos na vida que nos surpreendem. Esta mensagem, recebida de CMS, é um desses momentos. Por razões que eu conheço – mas que para aqui não são chamadas – a mensagem é refrescante pela defesa que faz de Blogs. Parece que, para essas figuras “avoadoras” da nossa sociedade – os “Opinion maker”, o cidadão não poderá ter existir um espaço de opinião livre de qualquer censura prévia de génios. O génio, esse animal, acha que poderá emitir opiniões que valem pelas dos restantes cidadãos livres, democráticos e eleitores. Enfim, não me irei alongar muito mais porque, no fundo, o texto recebido diz tudo.

QUOTE
Hoje vou escrever sobre filhos da puta que escrevem para jornais - com lugar cativo,evidentemente,nas folhas de pagamento do quiosque - pretendendo que estão a ajudar o mundo inculto. Aqui vai:


O economista Ribeiro

Continuo a ser leitor diário do "DIÁRIO DE NOTÍCIAS" mas confesso que não leio com tanta atenção o "Notícias Magazine" que acompanha o jornal aos domingos.

Contudo há uns domingos atrás folhei-a e quando cheguei à útima página dei com um escrito de Manuel Ribeiro que dava conta que tinha um curso superior em economia e que lhe tinham pedido para dar umas opiniões sobre qualquer coisa que não me lembro. Mas fixei que ele condescendeu dar uns palpites e fiquei com a sensação que ele pretendia saber muito sobre tudo o que diga respeito a contas, acções, fusões e outros "ões" que resumem a ciência económica. Pensei, para mim, que o homem deve ser um idiota chapado mas bem ancorado no porto da vida. Chapéus há muitos e Ribeiros, também.

No último domingo (2006.02.26) lá fui à ultima página da revista para o voltar a encontrar. E ele lá está : sabedor, irónico, moderno, erudito, enfim, homem actual a desenvolver um tema que dá que falar. Refiro uma das consequências da tecnologia que é o Blog.

Diz o Sr. Ribeiro que uma das idiotias que mais lhe perturba a existência é a mania dos Blogs. Ele depois discorre sobre os tipos que escrevem nessas coisas que só podem ser enfermos do foro mental e, portanto, a necessitarem de internamento hospitalar urgente, pois pensam que há papalvos que estão interessados em saber como foram as suas refeições e/ou as suas opiniões sobre uma qualquer viagem aos Açores e, mais, o que é pior é que quando se dedica à pesquisa aparecem estes emplastros a perturbá-la, etc, etc. Nada melhor que ler a prosa do Sr. Ribeiro economista.

Até estou de acordo com a mania actual que o frustrado das cartas ao director tem de emitir opiniões sobre assuntos que não interessavam ao Menino Jesus se ele ainda estivesse entre nós. Tenho para mim, que o Menino foi embora porque já não aguentava ver tanto jornal e tanto livro publicado a versar sobre coisas inacreditáveis.

Pergunto ao Sr. Ribeiro, economista, se um cidadão comum não tem o direito de vomitar em cima do vómito que constitui as opiniões de certos escribas com responsabilidades sociais?; pergunto ao Sr. Ribeiro, economista, se o cidadão comum não tem o direito de repudiar, publicamente, o conteúdo de certos escritos em certos jornais e em certos livros editados? ; pergunto ao Sr. Ribeiro, economista, se o cidadão comum não tem o mesmo direito de informar o povo anónimo sobre a perda da virgindade ou sobre a viagem a uma região mais atrasada que o bairro em que vive, ou sobre os apontamentos que toma nas funções profissionais que exerce em regime precário ou sobre os seus namoros, o seu casamento, se houve que esperar e quanto tempo foi, ou sobre o serviço militar obrigatório e a sua relação com a frigidez da esposa?

As garotas de Blog?...Você, Manuel Ribeiro, você é um perfeito atraso de vida e quer saber porquê? Porque hoje em dia escrevem-se livros com recortes de jornais (vejam-se os livros dos cidadãos que se tornaram Presidentes); hoje em dia é perfeitamente normal ver em montras de livrarias responsáveis livros do Deco, do Pauleta - o furacão dos Açores, do Vitor Baía com relatos que não sei a quem podem interessar. Já ninguém usa Net para saber a intimidade de uma garota, porque o "curriculum" duma garota já não é passado ao ouvido do amigo que é um gajo porreiro. Nã ,senhore. Agora ela escreve um livro assim no estilo da Mena Mónica onde explica tudo, pontos nos iis, com quem foi, como foi, o que lhe sabe melhor, etc e o meu amigo Ribeiro deixa de ligar a blogs quando quiser usar os seus instrumentos de fornicação, vai a uma livraria e vê se houve novidade sobre a matéria ou lê os jornais porque algumas até escrevem, em simultâneo, para jornais.

Para terminar, há duas coisas que me intrigam na sua prosa: uma é que me parece que não havendo diferenças no desejo de se relatar a viagem que se fez não vejo o porquê de você falar nos Açores e não falar em São Tomé e Príncipe e a outra é você chamar atrasado mental ao Pacheco Pereira. Este último ponto custa-me um bocado mas quem sou eu para contradizer um economista e muito menos nos tempos que correm. A título de confidência, informo-o que ele, o Pacheco Pereira, não só ele escreve para um Blog como ,muito pior do que isso ELE TEM UM BLOG e até um programa na televisão onde, num dia certo da semana, sodomiza o povo anónimo.

Deixo-lhe aquilo que uma vez disse Benjamin Franklin : "A experiência é uma escola muito cara. Mas é a única onde os néscios aprendem alguma coisa"
UNQUOTE

Já agora, se alguém me conseguir explicar o que é um “opinion maker” que envie para este Blog... é que a minha opinião é: “É toda aquela merda que enche o espaço vazio, entre as orelhas, de uns tipos vaidosos que aparecem na televisão”.
Lembram-se do Nuno Rogeiro? Tenho ou não tenho razão???

MS
publicado por GERAL às 14:51
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De RdS a 2 de Março de 2006 às 15:05
Um palavra resume tudo - SUBLIME!

Há alturas em que a violência tem toda a razão de existir, como neste caso do Sr. Ribeiro, acho que esse Sr. devia ser muito simplesmente torturado, com aqueles instrumentos todos que a inquisição utilizava. Tipo "demonstração" no uso dequeles instrumentos.

Como é que há energumenos que são opinion makers de merda e que se atrevem a emitir opiniões sobre escritos de terceiros que não fazem mal a uma mosca?

Extraordinário!

RdS

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Nas voltas e reviravoltas...

. A Austeridade...

. Portugal e a Crise

. Jogo FMI

. FMI e afins

. O outro lado da exuberânc...

. Os Sufrágios!

. As idio(ti)ssincracias da...

. O país de betão

. O salário minimo e Portug...

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2012

. Maio 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

.tags

. todas as tags

.Contador

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds