Sexta-feira, 3 de Fevereiro de 2006

“O Legislador”

Se estivermos bem atentos, existe uma coisa que, sub-repticiamente, aparece em muitas declarações, justificações e conversas do dia a dia proferida tanto por famosas individualidades como pelo mais anónimo “tuga”. O “Legislador”!!!!

Se repararem quando estamos a discutir algo que está mal na nossa sociedade, que gostaríamos que fosse aplicado mas infelizmente a Lei é omissa, que já foi legislado mas a Lei não está adequada, surge sempre “O Legislador”. Alguém que está muito mal informado da realidade do país ou do assunto mas que legisla e o resultado nunca agrada, nem a Gregos nem a Troianos.

Esquisito, eu pensava que as leis eram “emmanadas” (é mesmo em manadas e não emanadas, com a quantidade de legislação que é defecada diariamente …) da Assembleia da República, mesmo as propostas de Leis do governo, mas afinal parece que não!

Ouço muitas vezes os nossos líderes, governantes, presidentes de organismos públicos, líderes de opinião (opinium makers (uma mistura de latim com Inglês - fica o máximo, não acham?)), etc, afirmarem que “ …o Legislador foi omisso…”, “….tem de se ter em conta o espírito do Legislador…”, “ … a Lei que existe não permite…”, “….temos que cumprir com o que está consagrado…”.

O que é curioso nesta terra estranha, é que as Leis que temos nunca estão adequadas e as que saem nunca estão correctas. Mas o mais extraordinário é que continuam diariamente (incluindo fim-de-semana, deve ser o único departamento do Estado que funciona 365 dias do ano) a ser publicadas e ninguém as fez (mesmo que venham assinadas por um ministro qualquer, não foi ele – Foi O Legislador).

Afinal, parece que ninguém faz a Lei, todos temos de cumprir a Lei, mas esta surge vinda “Não se sabe de onde”. Se repararem bem, nunca existe um nome ou um rosto (O ministro é o Fantoche que assina) por detrás de uma Lei, é sempre algo etéreo, vago, indistinto, é quase esotérico.

E então surge a designação de: “O Legislador”! Esta personagem que é completamente inexistente. Quem é o Legislador? Será um Homem? Será uma Mulher? Será um Hermafrodita? Tem sexo? Faz sexo? Tem cara? Pelo menos parece que tem ouvidos (apesar de ser um bocado surdo e de só perceber parte dos assuntos) e mãos (escreve).

Este ser digno do jogo Cluedo, devia sair uma versão em que o objectivo não fosse descobrir o assassino mas sim descobrir quem é “O Legislador”, consegue, através de manobras completamente invisíveis, ser o Verdadeiro Poder deste país.

Vejamos, nós elegemos (supostamente) os nossos representantes no poder através de eleições democráticas e livres. Esses representantes tornam-se governantes, portanto governam, mas nunca são responsáveis. Apenas e somente cumprem a Lei, esta é que pode estar desadequada ou incorrecta, O Legislador é que é o culpado.

Voltamos à questão, Quem é O Legislador?

Deve ser alguém, ou algo, com um poder imenso. Os governos e os representantes do povo mudam, aparecem caras novas (algumas com um aspecto mais velho que a múmia de Ramsés) que vêm governar, mas O legislador permanece.

Será que não somos governados pelos representantes que elegemos? Dá ideia que estes senhores quando chegam ao poder têm de ir ao “beija-mão” de uma identidade superior – O Legislador.

Se calhar era preferível elegermos Legisladores em vez de Ministros, Deputados e Presidentes da República, pelo menos ficávamos a saber quem era O Legislador e podíamos, finalmente, responsabilizar alguém por esta incongruente diarreia legislativa.

Assim, ficamos na ignorância. Quem será O Legislador? È quase tão sinistro como os Serviços Secretos, ou a Máfia ou as seitas secretas. Sempre na sombra. Obscuro. Podia ser um Deus, sabemos que existe mas não sabemos como é. Está em todo o lado, há Leis para tudo e para nada.

Isto dava um bom argumento para um livro ou mesmo para um filme. Algo do tipo sinistro, perturbante, com mistério. Mas qual seria o título? “As teias do Legislador”, ou “Na pista do Legislador”, “ O código Lex”. Se quiserem inventem e enviem para nós (ostres.s33@sapo.pt). O problema seria definir o sexo da personagem, estão a ver o Al Pacino na pele do Legislador e vir-se a descobrir que, afinal, o Legislador é uma mulher!

Uma pergunta que me atormenta é saber se O Legislador tem pais, ou se os pais do Legislador sabem que o filho é O Legislador. Talvez aqui encontremos a resposta para que a célebre Lei do Aborto, que acabe a condenação infame às mulheres que se vêm obrigadas a recorrer a esta solução, não veja a luz do dia. Se calhar esta personagem tem receio dos possíveis efeitos retroactivos da Lei.

Bem, acho que estas perguntas nunca vão ter resposta. Se alguém descobrir que passe a palavra, adorava saber.

RdS
publicado por GERAL às 10:17
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
… Olá Bloguista.

Informações Úteis para as CLASSES SOCIAIS Média, Média-Alta, Alta e RICOS.

UNIVERSIDADES e INSTITUTOS POLITÉCNICOS (Públicos e Não Públicos) versus ESCOLAS TÉCNICO PROFISSIONAIS com ACESSO AO ENSINO SUPERIOR.

Sabiam que:
.
.
.
*** EM CADA DOIS (2) alunos universitários UM (1) NÃO ACABARÁ o Curso !?!?!?!?!?!?!?!?!
.
.
.
Nota: Em ENGENHARIA É MUITO PIOR. Em cada quatro (4) alunos universitários três (3) não acabarão o Curso !?!?!?!?!?!?!?!?!
.
.
.
Ou seja. DOS ALUNOS QUE ENTRAM nas Universidade e Politécnicos (Públicas ou Privadas) CINQUENTA POR CENTO (50%) -- NÃO CHEGA -- A ACABAR O CURSO. A maior parte desiste nos 3 primeiros anos do Curso.

No total Duzentos e Vinte e Cinco Mil (225.000) alunos não terminarão o Curso. Logo Dinheiro do Estado e dinheiro das Famílias deitados ao lixo todos os anos (Mais de Quatro Mil e Quinhentos Milhões (4.500.000.000) de Euros anuais).

Nota Importante: Não se preocupem com os POBRES. Porque nas Universidades e Politécnicos (Públicos e Privados) há:

- Um por Cento (1%) de Pobres;

- Sete por Cento (7%) de Classe Média-BAIXA.

- Noventa e Dois por Cento (92%) de Classes Média, Média-Alta, Alta e Ricos. E SÃO ESTES QUE SE LIXAM!! Abram os Olhos!



*** Um CURSO DE CINCO (5) ANOS É FEITO, em MÉDIA, em OITO (8) ou NOVE (9) anos!


*** Dos Cinquenta por cento (50%) que TERMINAM O CURSO:

Setenta por cento (70%) tira-o a COPIAR!!?!!?. Senão CHUMBAVAM também (seria 85% que não acabaria o Curso !!?!??!?!?!) e Profissionalmente serão uma mer.da e medricas e inseguros.

E precisarão de trabalhar dezasseis (16) horas por dia (perguntem aos Licenciados. Doutores e Engenheiros.) para produzir quatro a cinco (4 - 5) horas de riqueza;


SOLUÇÕES SIMPLES:

i -- FECHEM todas as Universidades e Institutos Politécnicos durante cinco (5) anos e ABRAM Escolas Técnico Profissionais COM ACESSO À UNIVERSIDADE.;

In “Livro aconselhado às Escolas Técnico Profissionais com acesso ao Ensino Superior”, http://eunaodesisto.blogs.sapo.pt/arquivo/2005_12.html#893945


E/OU ENTÃO,

ii -- AUMENTEM AS PROPINAS, anualmente, para CINCO (5) VEZES o SALÁRIO MÍNIMO NACIONAL (nos Institutos Politécnicos Públicos e nas Universidades Públicas).

Prova dos Nove contra os Aldrabões e Aldrabonas e a sua “Ladainha dos Pobrezinhos”:

Ver: “Alunos COM POSSES têm mais hipóteses no ENSINO PÚ-BLI-CO”, http://jn.sapo.pt/2004/08/22/sociedade/ha_portugal_cultura_facilitismo.html.


OFERTA PELA DIVULGAÇÃO DESTE DOCUMENTO:

TODOS os Alunos PODEM E - DEVEM – Candidatar-se / Concorrer TODOS os anos à BOLSA DE ESTUDO nas Universidades e Institutos Politécnicos (Públicos e Não Públicos):

"Oh ALUNOS Portugueses III" - SUBSÍDIO ESCOLAR e BOLSA DE ESTUDO , 30 Abril de 2004 em http://eunaodesisto.blogs.sapo.pt/arquivo/2004_04.html#128423

José da Silva Maurício




Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Nas voltas e reviravoltas...

. A Austeridade...

. Portugal e a Crise

. Jogo FMI

. FMI e afins

. O outro lado da exuberânc...

. Os Sufrágios!

. As idio(ti)ssincracias da...

. O país de betão

. O salário minimo e Portug...

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2012

. Maio 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

.tags

. todas as tags

.Contador

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds