Segunda-feira, 8 de Novembro de 2010

FMI e afins

Um Bem Haja a todos aqueles que se cruzarem com este espaço…

 

Já há muito tempo que estou afastado deste antro de escárnio e maldizer. Não tenho tido tempo nem pachorra. É a vida.

 

No entanto, como o país não dá sinais de melhoras, resolvi regressar para mais uma sessão de ironia e de sarcasmo sobre o nosso brilhante desenvolvimento como país.

 

De facto, é um verdadeiro inferno viver nesta terra, só se houve falar em crise, austeridade, medidas impopulares, diminuição disto, diminuição daquilo, descontentamento, manifestações…

 

Supostamente, devíamos ser um país em crescimento, em desenvolvimento, em construção de um Portugal melhor e mais próximo dos nossos congéneres Europeus de 1ª linha.

 

Mas NÃO! Cada vez nos afastamos mais!

 

Em todas as frentes possíveis e imaginárias. Até dos países em vias de desenvolvimento, conseguimos a proeza de sermos completamente ultrapassados. UM bom exemplo vem do Brasil, apesar de ainda continuar a haver um longo caminho por percorrer, a verdade é que nos últimos anos, eles têm conseguido dar saltos qualitativos muito impressionantes de desenvolvimento sustentado.

 

E Portugal?

 

Bem, nós gostamos de ser originais. Em vez de progredir, isso é para os fracos, nos gostamos mesmo é de desafios, por isso toca a regredir. Gostamos de ir ao fundo do tacho antes de partirmos para a próxima refeição.

 

O problema é que já quase comemos todos os ingredientes e o supermercado está a fechar. Quer dizer, já fechou mesmo. Agora estamos a ir às compras na Feira Chinesa.

 

Por falar em Chineses, o aparato foi grande e parece que com a sua acção vamos conseguir impedir que o FMI entre cá dentro.

Será que vamos?

 

Desconfio que…Não!

 

Acho que o que se perspectiva é mais um ano deste marasmo, primeiro temos as eleições Presidenciais, depois temos o período das férias e só a partir de fins de Setembro é que o Governo cai.

 

Até lá, temos o Fantasma do FMI, que vai ser um bicho Papão muito mau e justificar todas as medidas impopulares supostamente salvadoras da pátria. Só que os mercados vão continuar a penalizar, mesmo com a intervenção Chinesa, que ou é obrigada a entrar em força ou desiste.

 

O problema é que aquelas mentes são imprevisíveis. Nunca se sabe o que pode vir daquelas bandas. Ou nos compram, e ficam com uma lança bipolar, Europa e África, de penetração económica, ou “passam a bola” a quem queira chutar mais longe. Acho esta última hipótese a mais plausível.

 

Neste cenário, só a partir de Setembro do ano que vem é que devemos ter novo governo e o FMI cá instalado. Com o FMI e a recessão já a partir de 2011, tendo em conta os exemplos de outros países, nomeadamente, o Japonês, posso dizer que vamos ter longas décadas de depressão económica em Portugal.

 

Estou a ser fatalista. Não é justo. Os senhores do FMI têm longa experiência no “ressuscitar” de economias Zombies. O problema é que não passam disso, ficam países mortos-vivos. Parecem que estão vivos, mas só na aparência mesmo.

 

O único país que conseguiu dar a volta foi o Brasil e para isso teve de… expulsar de lá o FMI.

 

Pode ser que o amigo Chinês, Angolano, Venezuelano e outros amigos que se queiram juntar nos auxiliem…

 

 

RdS

publicado por GERAL às 17:20
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Nas voltas e reviravoltas...

. A Austeridade...

. Portugal e a Crise

. Jogo FMI

. FMI e afins

. O outro lado da exuberânc...

. Os Sufrágios!

. As idio(ti)ssincracias da...

. O país de betão

. O salário minimo e Portug...

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2012

. Maio 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

.tags

. todas as tags

.Contador

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds