Sexta-feira, 28 de Setembro de 2012

A Austeridade...

Um ano passou....

 

Na altura estávamos em plena “conversa da treta” com os nossos digníssimos políticos e “opinion makers” da praça pública a declamarem inflamadas retóricas sobre o calamitoso estado do país e a importância do momento decisivo, de viragem até, que o Orçamento de Estado de 2012 teria para o país.

 

Um ano passou...

 

Segundo estes Senhores O Orçamento de Estado para 2012 iria revolucionar Portugal, foram ditas coisas terríveis e foram assumidas grandes metas, acho que até vale a pena recordar algumas frases:

 

  • Portugal está em Emergência financeira.
  • Este Orçamento é marcado pela responsabilidade, pela transparência e pelo rigor.
  • Vai ser o Orçamento da estabilização da economia portuguesa e da Recuperação económica do País, através de um Crescimento sólido, duradouro, sustentável e equitativo do produto e do emprego.
  • Vamos estancar decisivamente o endividamento nacional.
  • A proporção dos recursos nacionais que atualmente são despendidos com os

encargos dos juros da dívida pública, das parcerias público-privadas e dos passivos do Sector Empresarial do Estado, é DESMESURADA.

  • Racionalização da despesa pública e de reestruturação das Administrações Públicas.
  • Orçamento Exigente para com TODOS.
  • A preponderância do esforço Orçamental deve caber à despesa, e não à receita.
  • A Austeridade é o ÚNICO CAMINHO!
  • Os Portugueses têm de se habituar a viver com muito menos!
  • NÃO HÁ ALTERNATIVA!

 

Impostos e mais impostos e mais impostos e taxas e mais taxas e mais taxas depois…

 

Um ano Passou...

 

Os resultados estão a ser apurados e...

 

SURPRESA!!!

 

A economia piorou, a derrapagem financeira continuou, o desemprego aumentou, o fosso social extravasou limites inimagináveis e o país afundou ainda mais.

 

Qual foi a ilação retirada por tão ilustres personagens????

 

O Rumo deve ser mantido a qualquer custo!!!

 

Não há alternativa!!!

 

A Austeridade é o caminho!!!

 

Ou seja, se não houver uma grande convulsão social que retire estes senhores do leme desta nau desgovernada...

 

Um ano terá passado e...

 

RdS 

 

publicado por GERAL às 16:59
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Nas voltas e reviravoltas...

. A Austeridade...

. Portugal e a Crise

. Jogo FMI

. FMI e afins

. O outro lado da exuberânc...

. Os Sufrágios!

. As idio(ti)ssincracias da...

. O país de betão

. O salário minimo e Portug...

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2012

. Maio 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

.tags

. todas as tags

.Contador

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds